Inscrição Intervenção Precoce  |   Donativos  |  Fale connosco  |  Registe-se  |  Documentos institucionais 21  |  +351 912 823 388   |  +351 916105691   |  INFO@PAIS.PT   |

Quem somos

A Associação Pais21 – Down Portugal é uma associação de pessoas com trissomia 21, famílias e sociedade civil que desde 2008 promove a informação e a partilha de novidades relativas à trissomia 21.

A nossa associação pretende mudar o modo como a sociedade vê as pessoas com t21, dar um apoio individualizado aos pais, dar informação atualizada sobre as suas capacidades reais e apoio às novas famílias.

O nosso maior desafio é a autonomização das pessoas com dificuldades intelectuais, e consideramos que para haver uma verdadeira inclusão, pessoas com t21 têm de ter condições para a aprendizagem quer nos infantários e escolas, quer na vida em sociedade. É indispensável que aprendam a ser autónomas em todas as fases da vida, e para isso ser possível, urge uma mudança do paradigma social da diferença.

Pretendemos fomentar a interação entre as famílias e entre as diferentes associações, funcionar como entidade agregadora de informação sobre t21, de forma a disponibilizá-la a quem dela necessite, criar ferramentas de apoio a famílias a diferentes níveis, trabalhar o tema da inclusão escolar, social e em todos os lugares onde a vida acontece

Os nossos desafios

O nosso maior desafio é a autonomização das pessoas com dificuldades intelectuais, e consideramos que para haver uma verdadeira inclusão, pessoas com t21 têm de ter condições para a aprendizagem quer nos infantários e escolas, quer na vida em sociedade. É indispensável que aprendam a ser autónomas em todas as fases da vida, e para isso ser possível, urge uma mudança do paradigma social da diferença.

Pretendemos fomentar a interação entre as famílias e entre as diferentes Associações, funcionar como entidade agregadora de informação sobre t21, de forma a disponibiliza-la a quem dela necessite, criar ferramentas de apoio a famílias a diferentes níveis, trabalhar o tema da inclusão escolar, social e em todos os lugares onde a vida acontece.

Missão

Capacitação das pessoas com t21, das suas famílias e de todos os agentes educativos e sociais, promovendo a sua plena inclusão na sociedade, tornando-a mais justa e equitativa.
Mudar o paradigma de como as pessoas com deficiência são vistas pela sociedade

Valores

Ética
Honrar a vida humana, a riqueza de uma sociedade é a sua diversidade.

Equidade
Justiça social para cada um e não igual para todos.

Justiça
Velar pela implementação dos direitos de quem não tem voz.

Excelência
A excelência de cada ser humano respeitando as suas capacidades.

Empatia
Compreensão da dor e dificuldade do outro e ser parceiro na solução.

Visão

A inclusão PLENA de pessoas com t21 na sociedade.

Missão

Capacitação das pessoas com T21, das suas famílias e de todos os agentes educativos e sociais, promovendo a sua plena inclusão na sociedade, tornando-a mais justa e equitativa.

Mudar o paradigma de como as pessoas com deficiência são vistas pela sociedade.

Valores

Ética
Honrar a vida humana, a riqueza de uma sociedade é a sua diversidade.

Equidade
Justiça social para cada um e não igual para todos.

Justiça
Velar pela implementação dos direitos de quem não tem voz.

Excelência
A excelência de cada ser humano respeitando as suas capacidades.

Empatia
Compreensão da dor e dificuldade do outro e ser parceiro na solução.

Valores

A inclusão PLENA de pessoas com
t21 na sociedade.

Como
nascemos

Era uma vez duas meninas com t21 que todas as terças de manhã tinham psicomotricidade no mesmo centro de desenvolvimento infantil.

Um dia as mães, que esperavam na sala começaram a conversar e tornaram-se amigas. Falavam muito sobre o desenvolvimento, sobre estímulo e também das coisas que as chateavam. Chateava-as que as pessoas continuassem a não ser capazes de ver o potencial das pessoas com t21.

A vontade de mudar a mentalidade da sociedade e a imagem das pessoas com t21, levou ao projeto Pais21. Juntou-se mais uma mãe do Porto e o Pais21 instalou-se em Lisboa e na Invicta.

As mães da Vera, da Francisca e da Leonor começaram a trabalhar juntas. A Pais21 começava a ter forma. A ajudar esteve também, o Manuel, irmão da Francisca que desenhou um logo à maneira. A mãe da Leonor, que é designer, calha bem, adaptou-o.

Dia 21 de Março de 2009 foi apresentado o nosso projeto pela Marcelina Souschek e Francisca Prieto numa sala cheia de pais e técnicos.

Desde esse dia que trabalhamos com o mesmo empenho e dedicação pela nossa causa: uma sociedade justa e equitativa.

Objetivos

  • Sensibilizar a opinião pública para os desafios que as pessoas com t21 têm de ultrapassar.
  • Capacitar as pessoas com t21 de forma a torná-los cidadãos ativos, plenos e participantes na sociedade.
  • Mostrar à sociedade as mais valias da plena inclusão, de privarem com pessoas diferentes, da sua validade e competências, e a riqueza que essa diferença traz para todos nós.
  • Pessoas com t21 têm sonhos, projetos, como qualquer pessoa, e têm o direito a terem oportunidades para os realizar. Comprometemo-nos a sermos parceiros na realização desses sonhos e projetos, ajudando na criação de meios que tornem possível a sua realização.
  • Dar voz às pessoas com t21 promovendo a sua “autorepresentação”.
  • Acreditamos que todas as pessoas têm a capacidade de fazer escolhas sobre a sua vida, de tomar decisões sobre o seu futuro.
Skip to content