Arrow
Arrow
Slider

Assim que um bebé nasce e se verifica um atraso no desenvolvimento deve ser apresentado à  equipa de intervenção precoce da sua área de residência para que seja efetuada a sua sinalização. A sinalização do bebé ou da criança também pode ser feita pelos pais. Bebés com t21 devem sair referenciados da maternidade uma vez que o diagnóstico na maioria dos casos é feito no momento do nascimento. Na prática sabemos que nem todos os hospitais e maternidades o fazem. Informe-se para que o seu bebé seja apresentado às equipas de IP o mais precocemente possível.

Em Portugal a intervenção precoce está regulamentada pelo Decreto de Lei n.º 281/2009 de 6 de Outubro e é da responsabilidade do Sistema Nacional de Intervenção Precoce na Infância (SNIPI).

Todas as crianças com t21 têm direito a serem apoiados pelas equipas de IP. A intervenção precoce abrange todas as crianças até aos 6 anos de idade, que apresentem alterações nas estruturas ou funções do corpo. O nosso Estado deve assegurar que todas as crianças que  mostrem algum tipo de desenvolvimento atípico tenham direito a usufruir do apoio das equipas de intervenção precoce. Estas equipas são constituídas por técnicos das diversas áreas, geralmente provenientes do Ministério da Educação, Ministério da Saúde e do Ministério do Trabalho e Segurança Social. Não há listas de espera na IP.

Crianças abrangidas pela IP devem ter um Plano Individual de Intervenção Precoce (PIIP). O PIIP é um documento que permite organizar toda a informação sobre a criança, registar aspetos da intervenção, e as metodologias utilizadas para obter os objetivos propostos. O PIIP é elaborado pelas equipas de intervenção precoce e os pais da criança, deve ser sempre um documento elaborado em parceria.

Informações adicionais poderão ser consultadas no site do Sistema Nacional de Intervenção Precoce na Infância.

A IP é fundamental para os bebés com t21. Sabemos que o sistema apresenta inúmeras fragilidades. É importante que nós pais estejamos informados sobre os direitos dos nossos filhos. Caso tenha alguma dúvida ou dificuldade, entre em contacto connosco.

O nosso Guia dos Primeiros Passos poderá ajudá-lo a situar-se nos primeiros tempos.